quinta-feira, 28 de abril de 2011

BLOG NA ESCOLA

Na sociedade de informação onde vivemos, há uma necessidade de colocarmos a informação ao alcance de qualquer pessoa. No atual sistema educacional, não há mais espaço para a educação fechada nos livros didáticos, no professor, na rigidez do currículo.
A escola deve ser um lugar de aprendizagem, um espaço onde são facultados meios para construir conhecimento, atitudes, valores e adquirir competências.
Na sociedade de informação, o desafio da escola é ousar, articular saberes, tecer redes de conhecimento integrando o saber “escolar” com o saber “universal”.
A aprendizagem se dá através da interação de conhecimentos adquiridos e experiências reais, tornando-a mais dinâmica.
Aprender significa compreender. Uma construção inclui os conhecimentos anteriores acumulados pela humanidade e o diálogo. Um texto que é inseparável da realidade, concreto e que se relaciona com o sujeito real e com outros textos, mesmo quando existe uma separação temporal entre estes textos, como acontece quando lemos um livro..
Um texto estabelece relações dialógicas intra e intertextuais, dialogam a palavra e a entonação. Um texto dialoga com outros textos, posicionando ante os que estão por vir, buscando o sentido em patamares cada vez mais coerentes.
Construir conhecimento é conferir sentido na relação dialógica entre sujeitos de linguagem, entre sujeito e texto e entre textos.
Conhecer como autoria, onde o autor é aquele que não somente cria mas, também, recria o conhecimento, reorganizando a rede de conhecimentos já estabelecida.
Os Weblogs podem ser construídos e modificados segundo as necessidades de professores e alunos, autores e organizadores do seu espaço.
A rede de sociabilidade tende a fazer novas conexões e movimentar as existentes.
A estrutura de um Blog implica lidar com códigos, com uma linguagem diferente que precisa ser aprendida para que se possa agir. Na maioria dos ambientes usados em educação, o aluno não tem a possibilidade de transformar o ambiente, sendo apenas usuário. Um Weblog possibilita um espaço para emergência da autoria, que se manifesta quando os alunos produzem textos próprios, mas também quando começam a transformar o ambiente, tanto no aspecto estético, como estrutural.
O Blog educacional, tem como funcionalidade a construção de textos narrativos, de forma colaborativa. Pode ser atualizado diariamente, de forma datada e apresentar registros de situações diárias de quem o escreve. Pode apresentar links para sites emergentes, tornando-se instrumento de divulgação de diferentes temas e assuntos. Apresenta hiperlinks que nos remetem a outros Blogs, tornando a pesquisa mais rica e diversa. As ferramentas pedagógicas seriam de trabalhar com o público, onde ocorre a interação entre locutor e receptor, com comentários e links.
Em relação a linguagem escrita, seria a produção de textos mais curtos, com o uso da linguagem de uma forma mais informal, mais próxima de uma conversa face a face.
Para Davis (2004), os professores podem propor a criação de um blog para discutir livros lidos, expor suas idéias sobre determinados assuntos, escrever e discutir sobre notícias diárias e criar projetos em grupos.
Para Barros (2005), os blogs apresentam uma excelente oportunidade para educadores promoverem a alfabetização através de narrativas e diálogos.
Para Bull (2003), como os espaços são limitados, obriga o estudante a condensar seus textos e demonstrarem como pensam enquanto trabalham como leitores e escritores.
A participação ativa, pois o blog proporciona oportunidade de discutir temas de sala de aula, onde se pensa sobre o assunto, responde-se induzindo uma maior participação dos estudantes.
Temos algumas plataformas para montar seu Blog:
WORDPRESS
TUMBLR
BLOGGER
POSTEROUS
MOVABLETYPE
JOOMLA